Arquivo da categoria: *DE 0 á 10

De 0 a 10: Uma Rosa com Amor!

Uma novela que aos olhos dos críticos não renderia e começou a mostrar a que veio.
Após sucessivas semanas amargando 5 pontos e sendo ameaçada pela Band, a novela de Tiago Santiago começou a brigar pela vice.
A novela, além de ter melhorado muito em suas imagens, continuou devendo no áudio, coisa que sempre atrapalha as produções do SBT. No decorrer da trama, esse problema ficou mais diluido, mas continuou existindo.
Qualidade e humor a novela teve. Os atores mostram quem são, principalmente os ex-globais e ex-record. Todos chegaram no ponto certo em seus personagens. Betty Faria realmente estava em seu melhor momento. Sua personagem começou fraca e apática, mas com o tempo se tornou o “xodó” dos telespectadores.

Pontos altos e pontos baixos marcaram a trama do SBT. A novela bombou e criou uma “tradição” no horário como fulga aos jornais, mas o SBT, ao que parece, não quis e nem quer essa tradição, encurtando a novela e colocando em seu lugar a reprise de “Canavial de Paixões”.

Resta saber se a emissora vai manter essa possível “reerguida”, pois “Corações Feridos” de Íris Abravanel pode ser mais um reflexo de “Vende-se um Véu de Noiva”. Ou não!
Minha nota à trama é 6, assim como sua média geral.

De 0 a 10: Globo Esporte!

Não dá para se ter uma opinião fixa do esportivo da Globo, pois a cada dia tem um apresentador diferente. Um dia é o Thiago, outros a Glenda, e assim vai.

No conteúdo, o melhor do esporte em 30 minutos. Tudo o que se pode ter em um esportivo: matérias, comentários, assuntos e as novidades do esporte. E o melhor: Não se prende apenas ao futebol e dá vasão ao vôlei e ao basquete.
Minha nota ao programa é 7. Não recebe nota máxima devido à essa dança das cadeiras com os apresentadores.

De 0 a 10: O aumento no prêmio de "A Fazenda"!

A Rede Record anunciou que vai dobrar o prêmio para o vencedor de “A Fazenda 3″. Agora, o vencedor levará R$ 2 milhões. Segundo o diretor Rodrigo Carelli, trata-se do maior valor que um reality brasileiro já entregou.
De acordo com a Record, o prêmio pode tornar mais competitivo o clima entre os 15 participantes. “O público também fica mais interessado quando o que está em jogo é algo maior do que na última temporada”, afirmou Carelli.
E o prêmio maior deve ser combinado com outra novidade: agora, o reality será mais focado no trabalho rural.
“A tônica dessa ‘Fazenda’ é o campo. O trabalho vai ser um pouco mais duro. Serão mais postos à prova”.

Minha nota à essa notícia é 2. Não altera em nada o aumento do prêmio, está na cara que isso é apenas para não ficar atrás da Globo, que também aumentou no BBB10. E mais, o trabalho do campo não pode ser o foco. O povo quer ver os peões se relacionando, brigando, se amando, não trabalhando.

De 0 a 10: Milton Neves!

Hoje, o programa “Jogo Aberto”, da Band, teve a a apresentação de Milton Neves. o velho não se encaixa no formato da atração, não sabe ler o TP e não sabe ficar quieto entre as matérias, sempre dando comentários inúteis.

O pior foi quando começou o debate. Começou a ironizar, sem nenhum escrúpulo o coitado do Ulisses Costa. Colocou no comentarista vários apelidos infames, sem respeito algum.
Enauteceu o Netto até não poder mais e foi tão, mas tão sem noção, que chegou a fazer palhaçadas, dizendo que um clube havia morrido, além de apagar totalmente o Dr. Osmar de Oliveira na atração.
Minha nota à ele é um belo dum 0. Não merece nem estar mais na Tv depois da palhaçada de hoje!

De 0 a 10: Descuido com o "Hoje em Dia"!

Tempos atrás, as chamadas do “Hoje em Dia” enchiam a programação da Record. Em comerciais de novelas, programas, séries, etc. Em voz ou em vídeo, elas apareciam constantemente.

Mas de um tempo pra cá, as chamadas em voz deixaram de aparecer e as chamadas em vídeo, adivinhem…
Elas dizem: “Moda, Informação, Comportamento e Culinária. Tudo isso e muito mais no Hoje em Dia”.
Isso chama a atenção de alguém? Agora chegamos no ponto chave: como era antes?
Antes eles falavam tudo o que aconteceria no programa do dia seguinte, dando um ar de preocupação em deixar o público ciente do que terá no programa.
Mas agora isso tem um nome: Puro Desleixo. A essa mudança repentina nas chamadas eu dou um 0, pois um programa merece sim todo o destaque, seja ele bom ou mal em audiência.

De 0 a 10: Jogo Aberto!

O principal esportivo da Band já está entrando em desgaste. Com o mesmo cenário que usava há anos atrás, a emissora não teve o cuidado de dar um novo visual ao programa, que está parecendo que foi produzido há anos atrás.

A apresentação de Renata Fan ainda não é das melhores, ela dá o melhor que ela pode nesse formato mal feito.
À medida que o programa ganha mais tempo no ar, não há o aumento de novidades, se tornando arrastado e cansativo.
O debate continua desnecessário, comentários após as reportagens estaria de bom tamanho. Os comentaristas não tem opinião fixa, principalmente o Ulisses Costa. O Netto está achando que é o dono do programa, cortando a fala de seus colegas de trabalho. O melhor que tinha, e que fazia grandes polêmicas era o Godoy, mas o tiraram.
O programa precisa de um novo cenário, novas vinhetas, novos comentáristas e uma nova organização, um novo formato, pois esse está passando longe de se tornar sucesso. Minha nota ao programa é um simples 3.

De 0 a 10: Direção de João Sayad na TV Cultura!

Não sei como está a situação da emissora infantil, mas acho que não é o caso do novo presidente da emissora querer cortar 1.400 funcionários. A emissora tem audiência considerável e fará muita falta se chegar a acabar. Minha nota à presidência de João Sayad é 0, pois desde o dia que ele entrou, só pensa em acabar com a emissora, e nada de bom está implantando.

De 0 a 10: Descubra qual a nota de Sabrina Sato!

Não sei o que Sabrina Sato era: Modelo, atriz, não sei. É certo que agora, a loira é uma apresentadora, entrevistadora e humorista. Se ela faz isso bem ou não, minha nota dirá.
A loira como apresentadora, até que não é tão ruim, é light. Como entrevistadora ela é ilária, ainda mais quando faz entrevistas internacionais acompanhada de uma sulfite.

Como humorista… Bem, é um caso a parte. Ela não tem dom para isso, não nos faz rir com perguntas indiscretas ou coisas do tipo, ela apenas é “estabanada”, no jeito mais “Teena” de ser. Se bem que Teena sabe o que tem que fazer, não exagera e nem força a barra.

Minha nota à Sabrina Sato é um mísero 4, pois se ela não sabe fazer rir, não pode estar em um humorístico!

De 0 a 10: Férias na TV!

Um horror… A TV brasileira não se preocupou com as férias das crianças esse ano.
A começar pelo SBT, que em plenas férias, cortou o “Cinema em Casa” para exibir reprises. Não que as novelas não sejam boas, mas seria a distração dos baixinhos nas férias.

A Record… bem, da Record é melhor nem falarmos. Sua programação gira em torno de telejornais que mostram desgraça, não há tempo para as crianças. Passar filmes infantis às quartas, 11 da noite, não é bem um presente.

Confesso que não fiquei de olho na programação da Globo, mas me pareceu a mais coerente, cedendo sua sessão da tarde à filmes infantis. A Band estava travada na Copa do Mundo, evento que a emissora repercurtir por várias semanas.

A RedeTV!… quem ainda assiste à RedeTV!?

Minha nota às férias na TV foi um belo dum 0. Não vi nada que me agradou!

De 0 a 10: As Visões da Raven!

É um ótimo seriado, com uma inspiração fantástica. Sua protagonista mostra todo seu charme e irreverência, desbancando várias outras que tentam fazer seu estilo. Humor como Raven? Só Raven.
Cory, Eddy e Chelsea são ótimos coadjuvantes, que só completam o talento da bela e talentosa Raven-Simoné.
Em audiência o seriado arrebenta, e é claro, após tantas e constantes reprises, sua audiência é até favorável. Manter a audiência que tem dentro do “Bom Dia & Cia” não é uma tarefa tão difícil, mas é interessante.
O seriado em si é ótimo, mas o que sempre acontece nos seriados americanos são as piadas. Muitas delas fazem referências à coisas de lá e muitas vezes nos deixam confusos, sem entender o motivo daquelas risadas ao fundo. Devido à isso, minha nota ao super seriado é 8.